quarta-feira, 1 de julho de 2009

Correio Devolvido: Utilizador Desconhecido - Poema intempoliano de Jorge Candeias

E eis que Jorge Candeias nos apresenta um tipo de produção inédita - até onde eu saiba saiba - a respeito da Intempol. Um pequeno poema, que, ao menos para mim, sugere uma estrofe com refrão poderoso para uma possível canção da Intempol.

******

"Correio devolvido
utilizador desconhecido"
assim fui impedido
de fazer um pedido
e assim fui coagido
a tornar-me bandido
Hoje estou escondido
num lugar subtraído
do universo expandido
num mundo perdido

Mas não faz mal
tenho comigo
um cartão cronal

Um comentário:

Jorge disse...

De notar que isto foi feito láááá longe nos idos de 2004. :)

Seguidores